YUI Brasil

YUI

Escrito por Asevedo em 25/03/2013. Publicado em Especiais

Olá pessoal!!!
Na época do “SHE LOVES YOU” fizemos uma série de posts especiais para que todos conhecessem os artistas participantes do álbum. Para acessar os posts especiais de They love YUI clique aqui
Ao todo os 12 artistas participante do álbum foram apresentados, cada qual em um post especial, mas deixamos o post mais especial de todos para um dia mais especial. Esperamos que este seja um post especial para todos como é para todos da Staff do YUI Brasil.


YUI


YUI é uma jovem cantora e compositora de músicas j-pop, além de multi-instrumentalista. Ao contrário de outros artistas YUI compõe e toca suas próprias músicas. Acompanhada do seu violão, diversas vezes tocando sentada na sua posição favorita, com as pernas cruzadas, YUI cria músicas pop com uma pitada de rock. Sua voz é refrescante e aguda, servindo aos sons que cria perfeitamente.
Nos últimos anos a jovem artista tem alcançado muita fama no Japão, ganhando vários prêmios famosos e aparecendo em inúmeros programas de TV e rádio. Além de sua carreira musical, ela também já estrelou como protagonista do filme Taiyou no Uta (タイヨウのうた) e em diversos comerciais e campanhas para a Sony Japão.

Infância

O início da vida da YUI foi difícil, mas vê-la cantando mostra como ela cresceu e amadureceu frente a tudo. YUI não tem nenhuma lembrança de seu pai, que sumiu quando ela tinha 3 anos na época que se mudou para Shinguu, todavia, ela tem curiosidade de saber que tipo de pessoa ele é, se é legal ou bonito. Parece que seu pai gostava de cantar, assim como sua mãe, mas ela tem um pouco de vergonha de cantar na frente de outras pessoas. YUI disse que nunca ouviu a voz de seu pai cantando, mas ela acha que herdou um pouco do “amor por cantar” do pai.
Durante parte de sua infância ela morou perto de sua avó, mas na maior parte da vida moravam apenas ela e sua mãe em Shinguu, aonde ela ia à praia por gostar muito e também para coletar conchas e outras coisas (Na praia havia um programa para ajudar na coleta do lixo, ela fazia isso frequentemente e sempre voltava com um suco para casa).
Desde pequena YUI se virava sozinha, já que sua mãe trabalhava fora o dia inteiro ela mesma cozinhava, comprava produtos não muito caros e fazia a própria comida. Quase sempre comia repolhos, detalhe: ela comia a parte central do repolho até o fim e encontrava algo parecido com brócolis e pensava que havia brócolis dentro do repolho. Quando descobriu o verdadeiro brócolis YUI disse que ficou surpresa, já que o gosto do ‘brócolis’ até então era bem melhor.

YUI começou a cantar depois que percebeu que gostava de escutar as músicas, como ficava a maior parte do tempo sozinha em casa talvez ela fizesse isso para evitar a solidão, escutando principalmente CDs ou o rádio. YUI não se lembra das músicas que mais cantava, mas lembra que chegou a memorizar várias letras, conseguindo cantar naturalmente depois. Quando pequena, imaginava as cenas baseadas nas letras que escutava. No ginásio lembrava-se frequentemente das letras e as escrevia.
Quando pequena YUI nem pensava em ser cantora, enquanto as demais crianças escreviam “Eu quero ser florista”, “Eu quero abrir uma padaria”, a YUI-chan escrevia “Eu queria ser aquele tio que vende Takoyaki“, principalmente pelo fato de sempre ver um ‘tio’ fazendo deliciosos takoyakis sozinhos e sempre insistir em ajudá-lo.
YUI declarou nunca ter sido boa nos estudos, apesar de não ter sido bagunceira, mas também não era uma aluna aplicada aos estudos, ela preferia aulas como artes porque gostava de desenhar, chegando a pensar em ser pintora, mas participava de clubes de trabalhos manuais como pintura e tricô. Embora não fosse muito fã de leitura gostava de lugares como a biblioteca, na época era moda livros de terror, mas sempre que lia algo que a assustava fechava o livro e parava de lê-lo.

YUI gostava de correr e participou de diversos clubes, como os de corrida, de caminhada, de basquete e de badminton, esporte que praticou até o final do ginásio e que gosta muito. Na escola primária jogava queimada e kickball, algo parecido com o baseball, também jogava futebol com as crianças da vizinhança, segundo seus vizinhos era uma boa jogadora. Quando a neve interrompia as aulas todos brincavam de guerra com bolas de neve, mas o interessante é que raramente neva em Fukuoka, que está mais ao sul do Japão.
No último ano do ginásio começou a escrever poemas e depois que foi elogiada por sua mãe e sua professora começou a escrever sempre, hábito que ela possui até hoje. Embora tivesse inúmeros talentos e gostasse da escola ela não sabia o que iria fazer após o ginásio, tinha escutado sobre cursos a distância, mas no final acabou decidindo ir para o colegial em uma escola particular para garotas. Sua entrada na escola particular foi condicionada a ela começar a trabalhar, já que ela decidiu que pagaria seus estudos e, embora fosse duro, YUI conseguia dormir apenas duas horas por dia, pois ela gostava de estudar e ganhar seu dinheiro com o próprio suor, mesmo fazendo trapalhadas no serviço era sempre aconselhada a servir em frente. A decisão de ir para o colegial normal foi influenciada pela fala de um jogador de futebol que dizia para todos preservarem seus relacionamentos.

Fase pré-carreira

No colegial, embora sem tempo, YUI começava a pensar que deveria cantar. No final do primeiro a carga física acumulou de tal forma que ela ficou internada durante dois meses, tempo que a fez refletir sobre o que faria no futuro. YUI decidiu que pararia os estudos e começaria sua carreira como cantora, sua mãe percebeu o quanto ela estava mentalmente preparada e entusiasmada com a ideia e deu carta branca dizendo algo como “Se você quis realmente fazer isso, siga o caminho que escolheu”.
No início YUI não fazia ideia de onde deveria ir, até quando teve a oportunidade de assistir uma apresentação ao vivo na rua de “bianconero” junto de uma amiga que sempre ia assistir as apresentações de “bianconero”. Como ela mal tinha tempo raramente ia à parte central da cidade e nunca havia assistido uma apresentação ao vivo na rua antes, nem sabia quando eles se apresentavam, mas quando perguntou a sua amiga se teria alguma apresentação e ela disse que haveria uma apresentação no mesmo dia. YUI tentou falar com eles começando om um “Konbanwa (Bom dia)”, como de costume e ter tentando perguntar algo como “Eu realmente quero seguir a carreira musical, o que eu devo fazer?”. Na época existiam escolas vocacionais boas, mas ela tinha receio de ir por não querer frequentar a escola, só que lhe falaram que não era exatamente uma escola vocacional e sim uma escola de música e, quando tinha um tempo livre, YUI sempre ia a show do “bianconero” e teve a oportunidade de conhecer pessoas dessas escolas de música, até que uma dessas pessoas disse “Bem, então, traga esta garota aqui”, foi o grande ponto de partida.
Com essa grande ajuda YUI descobriu qual direção teria que tomar dali para frente e pode ver o que precisava ser feito. Com a ajuda de tantas pessoas foi ali que foram abertas as possibilidades de realmente trilhar a carreira musical. Começando a frequentar a escola musical ela acabou tendo que mudar seu horário de trabalho e, devido ao seu enorme entusiasmo, ia para a escola todos os dias depois do trabalho com o vale-transporte que recebia do restaurante onde trabalhava. Embora não tivesse um violão pedia sempre o de algum amigo, ficando totalmente empolgada dedilhando as cordas e vendo as pessoas ao redor apreciando seus violões e tocando alegremente.

Desejando tornar-se profissional, ela pegou o violão e cantou em locais públicos como a costa de Shinguu e no meio dos campos de arroz de Kaminofu. Em março de 2004 surgiu uma boa oportunidade para YUI participar de uma audição da Sony Music Japan em que 20.000 pessoas participaram. Tendo apenas 17 anos na época, a jovem cantora e compositora de Fukuoka surpreendeu o júri com sua performance, sentada no chão de pernas cruzadas, ela tocou violão e cantou três músicas, “Why Me”, “It’s Happy Line” e “I Know”, apesar de ser permitido aos participantes cantar apenas duas música. Os juízes e outras pessoas presentes afirmaram que “a atuação criou uma tremenda aura a partir da sua voz, e cativou os corações de toda a audiência”, YUI recebeu nota máxima e ganhou um contrato com a gravadora.

Em dezembro de 2004, ela lançou o single It’s a happy line/I know , seu único lançamento independente pela Leaflet Records. As músicas que compõem o single são “It’s happy line” e “I Know”, letras e música pela YUI e produzido por Nishio Yoshihiko. O single foi limitado a 2000 cópias e distribuído na área de Kyushu (a ilha mais ao sul do Japão). “I Know” foi posteriormente reeditado no álbum FROM ME TO YOU, já “It’s happy line” como a terceira faixa do single “Good-bye days” e no álbum ”MY SHORT STORIES” .

Carreira profissional

O debut como profissional pela Sony Records aconteceu em 23 de fevereiro de 2005 com o single “feel my soul”. Inicialmente os planos de YUI era o de lançar “feel my soul” de forma independente, como um tributo a sua terra natal, mas quando a canção chegou aos ouvidos dos produtores da TV Fuji, acabaram levando a canção para ser a música tema do dorama “Fukigen na Gene”. As músicas que compõem o single são “feel my soul”, “Free Bird”, “Why me” e “feel my soul – instrumental”, letras e música pela YUI e produzido por Nishio Yoshihiko. Durante sua primeira semana o single atingiu a 8ª posição no ranking semanal do Oricon, tendo vendido 32.391, um feito e tanto para uma artista que estava iniciando carreira, durante o ano de 2005 ele vendeu ao todo 107.380 cópias. Mesmo sendo um debut já conseguiu o feito de receber o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. A música título do single “feel my soul” foi usada no álbum chamado “Hit Style”, distribuído pela Sony Music Entertainment Japan no início de 2006, que incluía as músicas de sucesso de muitos artistas da empresa.

O segundo single profissional foi “Tomorrow’s way”, lançado em 22 de Junho de 2005, utilizado como música de encerramento do filme “Hinokio”, contando inclusive com a presença do ator Kanata Hongo, o protagonista do filme, no PV de “Tomorrow’s way”. As músicas que compõem o single são “Tomorrow’s way”, “Last Train”, “feel my soul – YUI Acoustic Version” e “Tomorrow’s way – instrumental”, letras e música pela YUI e produzido por Yoshio Konno. Durante a primeira semana o single apareceu na 15ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 32.391 cópias. O single ganhou uma versão em cantonês pela cantora e atriz Fiona Sit, que rebatizou o single como “Dear Fiona”. O PV de “Tomorrow’s way” foi veiculado por algumas emissoras internacionais, inclusive no Brasil.

O terceiro single foi “LIFE”, lançado em 9 de novembro de 2005, sendo utilizado como o quinto encerramento do anime “Bleach”. As músicas que compõem o single são “LIFE”, “crossroad”, “Tomorrow’s way – YUI Acoustic Version” e “LIFE – instrumental”, letras e música pela YUI e produzido por Yoshio Konno. Durante a primeira semana o single apareceu na 9ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 44.708 cópias. Com “LIFE” YUI teve um grande salto na carreira, principalmente pelo fato de veicular a música em um dos animes que estavam em grande evidência, sendo conhecida internacionalmente e ampliando a sua base de fãs junto aos fãs do anime, que estava em um momento de grande audiência.

O quarto single, “TOKYO” , foi lançado em 18 de janeiro de 2006. As músicas que compõem o single são “TOKYO”, “HELP”, “LIFE – YUI Acoustic Version” e “TOKYO – instrumental”, letras da YUI, música de YUI e Cozzi e produzido por Yoshio Konno. Durante a primeira semana o single apareceu na 15ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 20.123 cópias. “TOKYO” foi um importante marco na carreira da YUI, pois ela deixou sua terra natal para ir morar em Tóquio para se dedicar a carreira musical e, apesar de fundamental para sua carreira, a decisão de sair de sua terra natal não foi fácil.

Após os 4 singles profissionais YUI lançou seu primeiro álbum “FROM ME TO YOU” , lançado em 22 de fevereiro de 2006. As músicas que compõem o álbum são “Merry Go Round”, “feel my soul”, “Ready to love”, “Swing of lie”, “LIFE”, “Blue Wind”, “I can’ say”, “Simply white”, “Just my way”, “Tomorrow’s way”, “I know”, “TOKYO” e “Spiral & Escape”, letras da YUI, música de YUI, Cozzi, Ikoman, Hideyuki Daichi Suzuki, NORTHA+ e Yuka Matsumoto e produzido por Yoshio Konno. Durante a primeira semana o álbum apareceu na 4ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 67.771 cópias, vendendo no ano de 2006 180.657 cópias, mas no ano seguinte o álbum surpreendeu, pois junto ao lançamento do segundo álbum, “CAN’T BUY MY LOVE” ele voltou a aparecer no top 30 do Oricon, um fenômeno raro no Japão, principalmente no século XXI, fazendo com que o total de venda do álbum subisse para 290.107 cópias, chegando a ser reeditado com uma nova capa na época do lançamento do single “LOVE & TRUTH”. O primeiro álbum conseguiu um grande feito recebendo o Disco de Platina da Recording Industry Association of Japan. O título do álbum possui duas origens, uma delas é que o “FROM ME TO YOU” vem da mensagem “subete Kono uta, kimi ni” (この 歌 すべて, 君 に), que significa “Todas estas canções, a Você”, mas também pode ter vindo da música “From Me to You” dos Beatles.

YUI ganhou enorme destaque e com isso ganhou sua primeira oportunidade para atuar como atriz sendo escalada para viver Kaoru Amane, a protagonista do filme “Taiyou no Uta” (Canção ao Sol), uma garota com uma doença rara chamada Xeroderma Pigmentosum (XP), que a impossibilitava de sair ao sol. A personagem gosta de cantar e tocar violão, chegando a fazer apresentações em praças durante o filme, bem ao estilo da YUI na sua fase independente. As músicas interpretadas no filme acabaram por se tornar o seu single de número cinco “Good-bye days”, um dos singles mais conhecidos, se não o mais conhecido, da YUI no mundo todo. O single foi lançado em 14 de junho de 2006. As músicas que compõem o single são “Good-bye days”, “Skyline”, “It’s Happy Line” e “Good-bye days – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo, produtor que acompanha a carreira da YUI até hoje. No dia do lançamento o single conseguiu a 1ª posição no Oricon e chegando a 3ª posição durante a primeira semana do ranking semanal do Oricon, vendendo 226.155 cópias, ficando no ranking durante quarenta e quatro semanas. Este foi o primeiro single a conseguir outro grande feito, recebendo o Disco de Platina da Recording Industry Association of Japan.

O sexto single “I remember you” foi lançado em 20 de setembro de 2006. As músicas que compõem o single são “I remember you”, “Cloudy”, “Good-bye days – YUI Acoustic Version” e “I remember you – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo. No dia do lançamento o single conseguiu a 1ª posição no Oricon e chegando a 2ª posição durante a primeira semana do ranking semanal, vendendo 65.241 cópias. “I remember you” teve forte influência de “Good-bye days”, aproveitando elementos do filme “Taiyou no Uta” no PV, sendo visto como uma grande recordação do filme. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. Este foi o primeiro trabalho profissional da YUI que contou com uma versão limitada, que trazia um DVD com o PV da música título e uma capa diferente.

No sétimo single, lançado em 17 de janeiro de 2007, YUI volta ao mundo dos animes com o single “Rolling Star” para o quinto tema de abertura do famoso anime “Bleach”, onde anteriormente ela cantou o quinto encerramento “LIFE”. As músicas que compõem o single são “Rolling Star”, “Winter Hot Music”, “I remember you – YUI Acoustic Version” e “Rolling Star – instrumental”, letras e música pela YUI e produzido por Hisashi Kondo. Durante a primeira semana o single apareceu na 4ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 169.277 cópias. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. Nesse single o ritmo sai bastante do pop dos singles passados, partindo pela primeira vez para o lado rock da YUI, mudando o visual e trocando pela primeira vez o violão pela guitarra elétrica. Este foi o primeiro trabalho dela pelo selo Studioseven Recordings, uma subsidiária da Sony Music Japan.

O oitavo single “CHE.R.RY” foi lançado em 7 de março de 2007 e era bem diferente de “Rolling Star”, mostrando a versatilidade profissional da YUI. As músicas que compõem o single são “CHE.R.RY”, “Driving Today”, “Rolling Star – YUI Acoustic Version” e “CHE.R.RY – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo. Durante a primeira semana o single apareceu na 2ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 168.964 cópias. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. O single foi lançado junto a uma campanha promocional da KDDI para serviços de venda móvel, o que impulsionou as vendas do single. Na primeira semana foram 75.390 cópias vendidas, permanecendo no ranking do Oricon por muito tempo, tendo alcançado Utada Hikaru pelo sistema de venda por download. O single também contou com uma versão limitada com o DVD contendo uma versão diferente do PV de “CHE.R.RY”. Ao anunciar o álbum “SHE LOVES YOU” essa foi a música escolhida pela própria YUI para fazer parte do álbum, mas em uma versão diferente de todas lançadas até o momento.

Com tamanho sucesso YUI voltou a lançar um álbum reunindo os 4 singles após “FROM ME TO YOU” e em 4 de abril de 2007 lançou o seu segundo álbum “CAN’T BUY MY LOVE”. As músicas que compõem o álbum são: “How crazy”, “Rolling star”, “It’s all right”, “I remember you” “RUIDO”, “CHE.R.RY”, “Thank you My teens”, “Umbrella”, “Highway chance”, “Happy Birthday to you you”, “Winding road”, “Good-bye days” e “Why?” letras da YUI, música de YUI, Cozzi, NORTHA+, Kenji Ogura, Shigezo e Akihisa Matzura e produzido por Hisashi Kondo. O álbum foi o primeiro a ter uma edição limitada com um DVD contendo o PV dos singles do álbum anterior, além de uma capa diferente. Durante as duas primeiras semanas o álbum ficou na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, com a venda de 290.640 cópias da primeira semana tendo superado toda a venda de “FROM ME TO YOU”, ao todo o álbum vendeu 693.358 cópias só no Japão e no mundo todo esse valor chegou a 1.255.906 cópias. Este álbum recebeu o Disco de Platina da Recording Industry Association of Japan. Ele chegou a ser reeditado com uma nova capa na época do lançamento do single “LOVE & TRUTH”. O título do álbum possui duas origens, uma delas é que o “CAN’T BUY MY LOVE” vem da mensagem “Ai suru mono ni ni wa wa kantan yuzurenai” (愛する もの に は 簡単 に は 譲れない), que significa “Eu não posso mão facilmente sobre as coisas que eu adoro”, mas também pode ter vindo da música “Can’t Buy Me Love” dos Beatles, assim como “FROM ME TO YOU”.

O nono single “My Generation/Understand” foi lançado na sequência do sucesso de “CAN’T BUY MY LOVE” em 13 de junho de 2007. As músicas que compõem o single são “My Generation”, “Understand”, “CHE.R.RY – YUI Acoustic Version” e “My Generation – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Yoshio Konno. Durante a primeira semana o single apareceu na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 135.093 cópias, se tornando o primeiro single da YUI a alcançar tal posição. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. “My Generation” foi utilizado como a música tema do dorama “Seito Shokun!”, já “Understand” foi utilizada como a música tema do filme “Sidecar ni Inu”. Embora seja um single double A-side, “Understand” muitas vezes é tratada como uma B-side, apresentando apenas a versão instrumental de “My Generation” e estando presente no álbum “MY SHORT STORIES junto com muitas outras B-sides, mas as duas músicas tiveram o seu próprio PV.

O décimo single “LOVE & TRUTH” foi lançado em 26 de setembro de 2007 e voltou à um ritmo diferente de “My Generation/Understand”. As músicas que compõem o single são “LOVE & TRUTH”, “Jam”, “My Generation – YUI Acoustic Version” e “LOVE & TRUTH – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo. No dia do lançamento o single conseguiu a 1ª posição no Oricon e permanecendo assim durante toda a primeira semana do ranking semanal, vendendo 87.491 cópias. Este single também recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. O single foi utilizado como trilha sonora do filme “Closed Note”, que conta com a participação de Erika Sawajiri, que também interpretou Amane Kaoru no dorama “Taiyou no Uta”. O single também contou com uma versão limitada com o DVD contendo uma versão diferente do PV de “LOVE & TRUTH” utilizando cenas do filme “Closed Note”. Outra peculiaridade deste single é que sua B-side “Jam” também ganhou um PV próprio, mostrando o enorme sucesso que a música fez junto ao público. Na época do lançamento do singles os dois primeiros álbuns, “FROM ME TO YOU” e “CAN’T BUY MY LOVE” , foram lançados com novas capas.

Com o enorme sucesso alcançado YUI entrou em uma nova empreitada e durante a turnê do álbum “CAN’T BUY MY LOVE” foi lançado o seu primeiro DVD, ”Thank you My teens” como uma comemoração aos seus 20 anos, a idade da maioridade no Japão, no dia 14 de novembro de 2007. Os lugares dos shows são vários, como Hokkaido, Okinawa, Fukushima, mas não engloba o seu primeiro show no Nippon Budokan. As músicas que compõem o DVD são “Rolling star”, “CHE.R.RY”, “Happy Birthday to you you”, “RUIDO”, “LIFE”, “Highway chance”, “Good-bye days”, “TOKYO” e “Thank you My teens”, contando com uma abertura intitulada “OPENING” e três intervalos intitulados “Tour Document 1”, “Tour Document 2” e “Tour Document 3”. O DVD tem um segredo escondido. Na página de título do DVD, quando clicado em “YUI”, haverá um segundo canal de som com comentários de YUI e de Shigezou-san, apresentador do YUI Radio, quando assistiram ao DVD pela primeira vez. Eles falam e comentam sobre cada cena e música do DVD. Para que os fãs possam apreciar e sentir como eles estão ao assistir o DVD com YUI e Shigezou-san. O DVD também inclui um adesivo YUI.

O décimo primeiro single “Namidairo” foi lançado em 27 de fevereiro de 2008 e foi o primeiro a possuir um título em japonês, ナミダイロ (Cor das lágrimas). As músicas que compõem o single são “Namidairo”, “I wanna be…”, “LOVE & TRUTH – YUI Acoustic Version” e “Namidairo – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo. No dia do lançamento o single conseguiu a 3ª posição no Oricon e permanecendo assim durante toda a primeira semana do ranking semanal, vendendo 81.730 cópias. Este single também recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. O single foi utilizado como trilha sonora do dorama “4 Shimai Tantei Dan”. O single também contou com uma versão limitada com o DVD contendo o PV de “Namidairo” e o Live de “Umbrella”, que acabou não entrando no DVD ”Thank you My teens”. Namidairo começou a ser escrita logo após o show no Nippon Budokan, tanto que em uma entrevista da época do lançamento YUI revelou que a melodia teve total inspiração em Tomorrow’s Way, mas acabou ficando incompleta por um tempo. Embora ela tivesse que escrever a música para o dorama ela teve total liberdade para escrever como desejava, não colocando a ênfase no amor, tema do dorama, mas sim na relação entre os indivíduos. O título Namidairo significa cor das lágrimas, mas YUI usou esta frase com o significado de choro do coração, cabendo a cada ouvinte entender o seu significado.

“Laugh away” é o primeiro single digital da YUI, lançado pouco tempo depois de ”Namidairo”, em 10 de março de 2008. Utilizado como música da campanha “Watering KissMint” da Glico teve um bom número de vendas, sendo incluída no próximo álbum, em versão normal, e no próximo single em versão YUI Acoustic Version, incluindo o seu PV na edição limitada. A venda foi restrita para os sistemas de internet móvel Rekochoku, Sony Music Sound, Music.jp, dwango.jp e PokeMero JOYSOUND.

A carreira estava com tantas inovações e com tamanho sucesso YUI voltou a lançar um álbum reunindo os 3 singles normais e o seu 1º single digital, lançando em 9 de abril de 2008 o seu terceiro álbum “I LOVED YESTERDAY”. As músicas que compõem o álbum são: “Laugh away”, “My Generation”, “Find me”, “No way” “Namidairo”, “Daydreamer”, “Love is all”, “I will love you”, “We will go”, “OH YEAH”, “My friend”, “LOVE & TRUTH” e “Am I wrong?” letras da YUI, música de YUI, Cozzi, NORTHA+, e Shigezo e produzido por Hisashi Kondo. O álbum, em sua edição limitada possui um DVD contendo o PV dos singles do álbum anterior, além de uma capa diferente. Durante a primeira semana o álbum ficou na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, com a venda de 285.407 cópias da primeira semana tendo superando a venda de “FROM ME TO YOU”, mas ficando atrás de “CAN’T BUY MY LOVE”, ao todo o álbum vendeu 479.987 cópias. Este álbum recebeu o Disco de Platina da Recording Industry Association of Japan. O título do álbum possui duas origens, uma delas é que o “I LOVED YESTERDAY” vem da mensagem “Kinou wo Aiseru Youni Kyou wo Ikiyou. Ashita mo Onaji Kimochi de Itai Kara” (昨日を 愛せるように 今日を 生きよう 明日も 同じ気持ちで いたいから), que significa “Para amar ontem, vamos viver hoje sem arrependimentos. Eu quero viver o amanhã com a mesma sensação de bem”, mas também pode ter vindo de um álbum dos Beatles chamado “Yesterday and Today” e da música “Yesterday”.

Na sequência de “I LOVED YESTERDAY” sai o segundo single digital com uma música deste mesmo álbum, “OH YEAH ~YUI Acoustic Version~” em 25 de Maio de 2008. Utilizado como música do programa da televisão japonesa Fuji TV Mezamashi “MezaNews”. Como o sistema de vendas foi semelhante a “Laugh away” supõe-se que a venda foi restrita para os sistemas de internet móvel Rekochoku, Sony Music Sound, Music.jp, dwango.jp e PokeMero JOYSOUND.

O décimo segundo single “SUMMER SONG” foi lançado em 2 de julho de 2008. As músicas que compõem o single são “SUMMER SONG”, “Oh My God”, “Laugh away – YUI Acoustic Version” e “SUMMER SONG – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo. No dia do lançamento o single conseguiu a 1ª posição no Oricon e permanecendo assim durante toda a primeira semana do ranking semanal, vendendo 83.440 cópias. Este single também recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. Este single contou com uma versão limitada, que trazia um DVD com o PV da música título e o de “OH YEAH ~YUI Acoustic Version~”, além de uma capa diferente. O single foi lançado como comemoração aos 3 anos de carreira, mas devido a problemas de tempo ela preferiu lançar durante o verão. Em uma entrevista YUI disse que queria colocar o sentimento de querer superar suas próprias capacidades, em um desejo de ir para o mar, escrevendo a música do ponto de vista de uma menina, relembrando suas próprias memórias do verão passado. O titulo foi escolhido pela YUI quando sentia os sentimentos da música e curiosamente nenhum outro artista japonês jamais utilizou o título. A edição limitada também inclui um cartão especial da YUI com uma mensagem escrita por ela e um cartão calendário com uma nova imagem do single.

No “YUI Diary” de 29 de agosto de 2008 Yui mencionou que iria colocar sua carreira em pausa, não fazendo quaisquer aparições públicas após o lançamento do seu próximo álbum. Com este intervalo, ela seria capaz de se concentrar totalmente em seus planos para o próximo ano.

Mesmo após apenas um single ter sido lançado o quarto álbum “MY SHORT STORIES” foi lançado em 12 de novembro de 2008, mas não é um álbum comum é a compilação das B-sides dos singles anteriores e uma música nova, “I’ll be”, utilizada na campanha “Play You” do Sony Walkman NW-S638FK Series. As músicas que compõem o álbum são: “I’ll be”, “HELP”, “Last Train”, “Winter Hot Music” “Jam”, “Skyline”, “Free bird”, “I wanna be…”, “Oh My God”, “Cloudy”, “Driving today”, “Understand”, “crossroad”, “It’s happy line” e “Why me” letras da YUI, música de YUI, NORTHA+, Hideyuki“Daichi”Suzuki, Shigezo e Akihisa Matsuura produzido por Hisashi Kondo. O álbum, em sua edição limitada possui um DVD contendo os PV’s de “I’ll be”, “Undestand” e “Jam” e shows da YUI 3rd Tour “oui” ~I Loved Yesterday~ Premium Edition. Durante a primeira semana o álbum ficou na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, com a venda de 173.741 cópias da primeira semana, ao todo o álbum vendeu 266.586 cópias. Este álbum recebeu o Disco de Platina da Recording Industry Association of Japan. O título do álbum, “MY SHORT STORIES” vem da mensagem “Zutto kono Arubamu wo tsukuritakute, sono monogatari wa, YUI kara hajimatta” (ずっと このアルバムを 作りたくて、その物語は YUIから 始まった), que significa “Eu sempre queria fazer este álbum. Este conto e tudo começaram a partir de YUI”.

Logo após o lançamento de “MY SHORT STORIES” YUI entrou em um período longo de férias, o tão temido hiato na carreira. Durante esse período YUI fez uma viagem para Nova York, onde a intenção era melhorar seu inglês e ganhar experiência internacional. A viagem rendeu boas experiências para ela e mudou a atitude e o estilo nos lançamentos seguintes. O hiato foi importante para não sobrecarregá-la e conseguir novas inspirações, mas fez com que muitos fãs de afastassem da carreira dela e o lançamento seguinte foi fundamental para a carreira.
Durante esta pausa, ela escreveu a canção “I do it” para a banda Stereopony, lançado como o terceiro single do Stereopony em 22 de abril de 2009 e que a própria YUI gravou no álbum “Holidays in the Sun”, o seu primeiro auto-cover.

Após o período de férias, que teve um tempo total de 5 meses YUI reaparece com um novo single ”again”, lançado em 3 de junho de 2009, mas anunciado em 25 de março de 2009 no seu site oficial. As músicas que compõem o single são “again”, “Sea”, “SUMMER SONG – YUI Acoustic Version” e “again – instrumental”, letras e música pela YUI, e.u.Band como banda de apoio e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “again” e de “I’ll be ~”WALKMAN” School Live Version~”. A música “again” foi utilizada como o tema do anime Fullmetal Alchemist: Brotherhood, que estreou em 5 de abril de 2009 angariando novos fãs para YUI e trazendo de volta os fãs que se afastaram devido ao hiato. No dia do lançamento o single conseguiu a 1ª posição no Oricon e permanecendo assim durante toda a primeira semana do ranking semanal, vendendo 110.602 cópias, sendo o lançamento de uma artista que mais vendeu durante a sua primeira semana em 2009, superando as vendas do single “Rule / Sparkle” da cantora Ayumi Hamasaki, com venda de 95.000 cópias em sua primeira semana. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan com o total de 163.634 cópias. Nesse single a retomada trouxe uma música empolgante, trazendo um estilo puxado para o lado rock da YUI, mas trazendo um visual tradicional da YUI, mas que sofreu uma modificação já no próximo lançamento.

O décimo quarto single “It’s all too much/Never say die” foi lançado na sequência do grande sucesso que foi de “again” em 7 de outubro de 2009. As músicas que compõem o single são “It’s all too much”, “Never say die”, “again – YUI Acoustic Version” e “It’s all too much – instrumental”, letras e música da YUI, e.u.Band como banda de apoio e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “It’s all too much”, “Never say die”. Durante a primeira semana o single apareceu na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 75.047 cópias, se tornando o quinto single da YUI a alcançar tal posição. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. As duas músicas “It’s all too much” e “Never say die” foram utilizadas na trilha sonora do filme “Kaiji”, que teve sua estreia em 10 de outubro de 2009. Este foi o single em que a mudança do visual e das duas músicas diferem bastante do single anterior. Essa mudança chocou muitos fãs, mas também agradou por trazer uma YUI com um estilo diferente e músicas com letras profundas, por mais que tenham sido utilizadas em um filme como “Kaiji”.

“GLORIA”, o décimo quinto single foi lançado no início do ano de 2010, em 20 de janeiro. As músicas que compõem o single são “GLORIA”, “Muffler”, “It’s all too much – YUI Acoustic Version” e “GLORIA – instrumental”, letras e música da YUI e NORTHA+ e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “GLORIA”. Durante a primeira semana o single apareceu na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 80.750 cópias, se tornando o sexto single da YUI a alcançar tal posição e mantendo a sequência de liderar a semana de lançamento desde “again”. Este single também recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan. Mantendo o grande sucesso que estava tendo “GLORIA” mantém um estilo pop rock e muito marcante, com saltos no tom de voz que só mostra a evolução da carreira que o último ano trouxe para ela.

YUI tem uma forte ligação com sua mãe, principalmente por uma sempre ter a outra com quem contar desde que seu pai saiu de casa, sendo que até hoje um dos grandes mistérios é como sua mãe realmente é e, como ela acompanha e vê a carreira que a filha tomou. Todo esse forte sentimento para com sua mãe, e também pelas várias mães do mundo, fez surgir o décimo quinto single “to mother” lançado em 2 de junho de 2010. As músicas que compõem o single são “to mother”, “Tonight”, “GLORIA – YUI Acoustic Version” e “to mother – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o belíssimo PV de “to mother” e foi o primeiro lançamento pelo selo Gr8! Records. Durante a primeira semana o single apareceu na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 71.804 cópias, se tornando o sétimo single da YUI a alcançar tal posição e mantendo pela 4ª vez seguida a sequência de liderar a semana de lançamento desde ”again”. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan.
A música “to mother” é completamente diferente do que estava sendo lançado até então, saem o conjunto das guitarras, baterias e baixos da e.u.Band e entram o conjunto do piano com guitarra e bateria ocidentais, mas como uma enorme ênfase ao piano.
Embora esta seja a primeira música que YUI troca sua guitarra por um piano ela foi escrita usando um violão. Quando perguntado sobre a decisão, por escrito, a música, sem surpresa, foi o de apoiar as mães do mundo. Ela também acrescentou que, embora ela frequentemente escreva músicas alegres e melodias para incentivar as pessoas, para essa música que ela queria olhar para a sua própria vida e ver quem era importante para ela. YUI também falou especificamente sobre a lírica da música, “a bondade é tão cruel, não é?”, inferindo que, quando alguém se machuca, entes queridos sentem a dor também. Ela também falou sobre a variedade de presente perspectiva na música, através de letras, como “não é o ódio apenas um mal entendido” ou “bondade é uma coisa que se aninhou junto, uma coisa reconfortante”. Este foi um single em que um estilo novo, mas que mesmo assim remetia aos seus primeiros lançamentos, foi utilizado e, pelo sucesso que o single teve, mostrou-se um grande sucesso e uma boa aposta.

Após o sucesso de tantos é lançando em 14 de julho de 2010 o seu quinto álbum “HOLIDAYS IN THE SUN”. As músicas que compõem o álbum são: “to mother”, “again”, “Parade”, “es.car” “Shake My Heart”, “GLORIA”, “I do it”, “Please Stay With Me”, “Summer Song”, “Cinnamon”, “Driving Happy Life”, “It’s all to much” e “Kiss me” letras da YUI, música de YUI, NORTHA+, e.u.Band, Hisashi Kondo e Tsuyoshi Kinoe e produzido por Hisashi Kondo. O álbum, em sua edição limitada possui um DVD contendo o PV dos singles do álbum “I LOVED YESTERDAY” e também o de “to mother” com opções de vários ângulos, além de uma capa diferente. Durante a primeira semana o álbum ficou na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, com a venda de 184.952 cópias da primeira semana tendo superando a venda de “FROM ME TO YOU”, mas ficando atrás de “CAN’T BUY MY LOVE” e “I LOVED YESTERDAY”, ao todo o álbum vendeu 309.253 cópias. Na Coréia, o álbum alcançou a 77ª posição no ranking Gaon de 2010 com 3.088 cópias vendidas, tornando-se o segundo, e último, artista japonês a aparecer na lista (o outro é a banda Arashi). Este álbum recebeu o Disco de Platina da Recording Industry Association of Japan. O título do álbum, ao contrário dos anteriores, não tem origem nos Beatles, mas sim em um single da banda Sex Pistols lançado em 1977.

O décimo sétimo single “Rain” foi lançado 4 meses após o álbum “HOLIDAYS IN THE SUN” em 24 de novembro de 2011. As músicas que compõem o single são “Rain”, “a room”, “How Crazy – YUI Acoustic Version” e “Rain- instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “Rain” e de “Please Stay With Me”. Durante a primeira semana o single apareceu na 2ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 67.796 cópias, sendo o primeiro single YUI a não alcançar a primeira posição desde Namidairo. O single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan.
Este foi um single promocional para o Natal e a música “Rain” foi utilizada no dorama “Perfect Report”, da FujiTV, apresentando a música no mês de outubro na estreia do programa. O produtor do dorama afirmou que escolheu a canção da YUI pela forte energia que ela coloca em suas canções, marcando a quarta vez que uma música da YUI é utilizada em um dorama.

O décimo oitavo single “It’s My Life/Your Heaven” foi lançado em 26 de janeiro de 2011. As músicas que compõem o single são “It’s My Life”, “Your Heaven”, “Rain – YUI Acoustic Version” e “It’s My Life – instrumental”, letras e música da YUI, e.u.Band como banda de apoio e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “Your Heaven” e o documentário “Yui in Sweden Special Movie”, o que marca também este single é que os lançamentos agora são pela Gr8! Records, uma subsidiária da Sony japonesa. Durante a primeira semana o single apareceu na 3ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 69.872 cópias, e mesmo com uma venda maior que “Rain” não chegou à primeira posição. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan.
“It’s My Life” foi utilizada no comercial U-CAN’s 2011 e quando YUI é questionada sobre esta música sua resposta é que criou uma música criada com o sentimento de apoio as pessoas durante dificuldades. Ela também ligou a música com a primeira parte de sua vida, quando decidiu abandonar a escola e entrar no caminho da música. Além disso, ao refletir a música, YUI também falou sobre a parte divertida de ser um músico, como o recebimento de mensagens de boa vontade ou encontrar uma variedade de pessoas. Já a música “Your Heaven” foi utilizada para a campanha Sony Walkman’s PlayYou e o PV dela foi gravado na Suécia, viagem esta apresentada no documentário “Yui in Sweden Special Movie”, sobre a viagem que ela fez para a Suécia

Após quatro anos e com uma turnê que andou por todo o japão foi lançado o seu segundo DVD, ”Hotel Holidays In the Sun” contendo o show realizado no Nippon Budokan durante a turnê. As músicas que compõem o DVD são “again”, “Rolling star”, “It’s all too much”, “Laugh away”, “Parade”, “Cinnamon”, “Please Stay With Me”, “How crazy”, “TOKYO”, “I’ll be”, “Never say die”, “es.car”, “I do it”, “Tonight” e “Shake My Heart” e as que foram repetidas no encore foram “to Mother”, “Driving Happy Life”, “Rain”, “CHE.R.RY”, “GLORIA” e “Good-bye days”. O DVD em sua edição limitada veio acompanhado de um pequeno photobook com fotos da última turnê, em especial do show no Nippon Budokan.

O décimo nono single “Hello ~Paradise Kiss~” foi lançado em 1º de junho de 2011. As músicas “HELLO ~Paradise Kiss~ ” e “YOU” foram utilizadas na trilha sonora do filme “Paradise Kiss”, baseado no popular mangá de Ai Yazawa que teve sua estreia em 4 de junho de 2011. As músicas que compõem o single são “Hello ~Paradise Kiss~”, “You”, “It’s My Life – YUI Acoustic Version” e “Hello ~Paradise Kiss~- instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “It’s My Life”. Durante a primeira semana o single apareceu na 3ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 69.838 cópias. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan.
YUI disse que tentou fazer o som da música pop ao tentar adicionar um pizzicato ligeira que ela pegou da atmosfera de Paradise Kiss, trazendo uma música, como ela mesma definiu, que estimule a decidir e preparar-se ao mesmo tempo em que busca respostas para amadurecer. A edição limitada contava com um bônus especial além do já tradicional DVD destas edições, as primeiras edições imprensas contaram com ilustrações originais de Ai Yazawa e postais também foram incluídos para alguns clientes no Japão.
No memso mês do lançamento do Single YUI fez seu primeiro show fora do Japão, na AsiaWorld-Expo Arena em Hong Kong para um público de 14.000 pessoas, contando também com um tour pela cidade e um show nas ruas de Hong Kong.

O vigésimo single “Green a.Live” foi lançado em 5 de outubro de 2011. As músicas que compõem o single são “Green a.live”, “Let’s face it”, “HELLO – YUI Acoustic Version” e “Green a.live – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “Hello ~Paradise Kiss~”. Durante a primeira semana o single apareceu na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 55.978 cópias. Este single recebeu o Disco de Ouro da Recording Industry Association of Japan.
Mesmo tendo passado muito tempo desde o terrível terremoto de Tōhoku em 18 de março, YUI decidiu lançar um single em homenagem às vítimas da tragédia após a viagem que ela fez pelas escolas da região de Miyagi. A música não tratava de buscar a solução fácil para os dilemas, mas sim como superar as dificuldades, pois na viagem ela viu que os sorrisos dos habitantes da região, principalmente as crianças, lhe deu inspiração, e quis mostrar a raiva e a dúvida de que teve entes queridos desaparecidos depois do terremoto. Enquanto realizavam as filmagens, o diretor Shigeaki Kubo refletiu que a música era uma canção dolorosamente honesta, sendo uma canção que leva as pessoas a pensarem sobre a eventual mudança que sofrem e os diferentes caminhos que eles tomam. O vídeo termina com YUI sorrindo enquanto canta a letra final da canção, um gesto que ela viu muito durante a sua viagem.

Pouco tempos após o lançamento de seu vigésimo singles em 2 de novembro de 2011 o seu sexto álbum “HOW CRAZY YOUR LOVE”. As músicas que compõem o álbum são: “HELLO”, “Separation”, “Get Back Home”, “Lock On” “U-niform”, “Cooking”, “Rain”, “Good night”, “YOU”, “It’s My Life”, “no Reason”, “Nobody Knows” e “Green a.live” letras da YUI, música de YUI, NORTHA+, Hisashi Kondo e Cozzi e produzido por Hisashi Kondo. O álbum, em sua edição limitada possui um DVD com o show em Hong Kong e um documentário sobre a viagem, intitulado “Hong Kong HOTEL HOLIDAYS IN THE SUN 2011″, além de uma capa diferente. Durante a primeira semana o álbum ficou na 1ª posição do ranking semanal do Oricon, com a venda de 131.771 cópias da primeira semana, ficando atrás de todos os seus álbuns lançados anteriormente, ao todo o álbum vendeu 202.312 cópias, um total inferior ao de ”MY SHORT STORIES” , mas ela se tornou a primeira artista a colocar seu quinto álbum consecutivo, desconsiderando ”MY SHORT STORIES” por ser uma álbum de compilações, no topo do ranking depois de Utada Hikaru com o álbum “Utada Hikaru Single Collection Vol. 2″ de 2010. O título do álbum o significa “Quanto é o seu afeto?”, como YUI revelou durante uma entrevista para o Oricon e usando essa idéia, ela colocou “Gree.a.Live” no final do álbum, uma vez que era uma canção que continha muitas perguntas sobre sentimentos. Para colocar as outras músicas, ela queria que a ordem para que a variação, por exemplo, ela iria colocar músicas de rock, então músicas acústicas. Ao escrever as canções ela decidiu tentar diferentes estilos de música. Ela destaca especialmente “Separation” com seu ritmo funky, ou uma tentativa de emocionar o público com “Lock On”, música utilizada no dorama Kaito Royale. Não só tentando ritmos complicados, ela recordou também o triplo simples usadas em “Cooking”, um ritmo que ela sempre quis experimentar. Com as várias experimentações YUI queria que este álbum representasse a vontade de tentar algo novo, e também o seu desejo de ter a liberdade de fazer música como ela deseja.

Após o lançamento do álbum “HOW CRAZY YOUR LOVE”, YUI entrou em uma turnê que rodou grande parte do Japão, indo até Okinawa, e após a turnê foi lançado o seu terceiro DVD, ”Cruising ~HOW CRAZY YOUR LOVE~” contendo o show realizado no Nippon Budokan durante a turnê. O DVD em sua edição limitada veio acompanhado de um pequeno photobook com fotos da última turnê, em especial do show no Nippon Budokan e também foi o primeiro lançamento dela na versão Blu-ray, sendo que os dois DVDs anteriores, ”Thank you My teens” e ”Hotel Holidays In the Sun”, ganharam uma versão também em Blu-Ray na mesma época do lançamento. As músicas que compõem o DVD são “HELLO”, “no Reason”, “Nobody Knows”, “It’s My Life”, “I’ll be”, “U-niform”, “Separation”, “Good-bye days”, “Winter Hot Music”, “CHE.R.RY”, “Good night”, “to Mother”, “Lock On”, “Rolling star”, “No way”, “LIFE”, “es.car”, “Green a.live”, “Get Back Home” e “Your Heaven” e as que foram cantadas no encore foram “Sea”, “Cooking”, “Laugh away”, “Happy Birthday to you you”, “YOU”, “It’s happy line” e no final todos os presentes e todos os que assistiram o DVD assistiram uma emocionante e tocante apresentação acústica de “TOKYO”, foi uma apresentação somente com YUI, violão e muitas lágrimas, seja lá o que se passava na cabeça da YUI, mas ela precisou parar a música, secar as lágrimas e seguir adiante.

2012 foi um ano estranho para todos que acompanharam a carreira da YUI, após a turnê e o DVD “HOW CRAZY YOUR LOVE” começou um grande projeto para o vigésimo primeiro single “fight” que foi lançado em 5 de setembro de 2012. As músicas que compõem o single são “fight”, “If you”, “Happy Birthday to you you – YUI Acoustic Version” e “fight – instrumental”, letras e música da YUI e produzido por Hisashi Kondo e na sua versão limitada contém o PV de “Green a.live”. Durante a primeira semana o single apareceu na 5ª posição do ranking semanal do Oricon, vendendo 41.269 cópias.
O projeto de “fight” estava relacionao ao NHK Chorus Contest N-CON! na categoria de escolas de ensino médio, selecionando diversos jovens para a apresentação em coral junto com YUI durante o programa. A música também foi usado como canção tema para o Minna no Uta NHK nos meses de agosto e setembro 2012.

Após um projeto diferente como foi com “fight” YUI partiu para um novo projeto com o álbum tributo “SHE LOVES YOU” lançado em 24 de outubro de 2012. Neste álbum YUI supervisionou e dirigiu a escolha de 12 músicas suas e de 12 artistas para apresentá-las. As músicas e os artistas que compõem o álbum são “How crazy” (SCANDAL), “Tomorrow’s way” (Negoto), “Good-bye days” (miwa), “LIFE” (Goose house), “Rolling star” (Shoko Nakagawa), “Namidairo” (Ayaka Ide), “My Generation” (Kylee), “again” Stereopony, “I remember you” (Sawai Miku), “HELLO” (Dancing Dolls), “GLORIA” (Aoi Eir) e “feel my soul” (joy), contando ainda com uma faixa bônus da própria YUI com o nome de “CHE.R.RY ~Bossa Live Version~” e um PV exclusivo. Durante a primeira semana o álbum ficou na 7ª posição do ranking semanal do Oricon, com a venda de 19.381 cópias da primeira semana.
O título do álbum pode ter muitos significados, e o álbum em si tem muitos significados com os acontecimentos dos meses seguintes da carreira, a primeira impressão que se tem é de reunir músicas que a YUI gosta e de artistas que ela gosta, mas também pode ser uma conversa direta da YUI com seus fãs, para mostrar o quanto ela gosta deles. Por reunir diversos artistas com ritmos diferentes podem ser os artistas que YUI indica para que todos os seus fãs escutem, não sendo necessariamente todos, mas ela deve ficar feliz se os fãs acompanharem os artistas que ela selecionou para um projeto tão especial.

E no final de ano movimentado temos uma agradável surpresa, YUI decide lançar dois Best Albums de toda a sua carreira. Intitulados “GREEN GARDEN POP” e “ORANGE GARDEN POP”, cada um deles com versões limitadas e regulares foram lançandos em 5 de dezembro de 2012 . A edição limitada de “GREEN GARDEN POP” é acompanhada do GREEN BOOK, um livro de 56 páginas com fotos do período antes da estreia, como fotos da época que vivia em Fukuoka. Seguindo a mesma forma de publicação A edição limitada de “ORANGE GARDEN POP” é acompanhada ORANGE BOOK, um livro de 56 páginas com fotos do período pós-estreia, principalmente da viagem para Nova York. Além dos dois livros para aqueles que comprassem as duas edições limitadas ou as duas edições regulares em um pacote especial recebia o WHITE BOOK, contendo fotos especiais que não se encaixam nos outros dois livros.
Durante a primeira semana “GREEN GARDEN POP” e “ORANGE GARDEN POP” ficaram na 2ª e 3ª posição do ranking semanal do Oricon, respectivamente, com a venda de 116.712 e 115,943 cópias, respectivamente, com um total de vendas em 2012 de 207.698 e 205.032, respectivamente, nos poucos dias de dezembro que ficou à venda. Ainda em comemoração ao lançamento dos Best Albums foram lançadas duas novas versões dos PVs de “feel my soul” e “Good-bye days”.


Hiato

E após um ano diferente na carreira, com projetos diferentes, poucos lançamentos, e uma especulação grande pelo ano atípico no dia 18 de dezembro de 2012 YUI anuncia oficialmente que irá entrar em hiato com a carreira por tempo indeterminado. A levanta boas expectativas, mas também deixa todos apreensivos e preocupados de quando ela irá retornar, o quão diferente será seu jeito no futuro e que coisas diferentes e divertidas ela fará com a música.
No canal do YouTube está disponível o vídeo que foi transmitido online por diversos meios onde YUI fala sobre o motivo da pausa em suas atividades e o que ela tinha em mente para esse período. Você pode ver o vídeo completo abaixo, ou a transcrição e tradução.

O futuro da carreira da YUI ainda não está claro, em 2013 já foram lançados 2 livros com nomes muito sugestivos e que deixam todos apreensivos do que pode vir a acontecer, o livro “Hello, Good-bye” lançado em fevereiro e o “YUI Artist Book THANK YOU FOR YOUR LOVE” trazem imagens de toda a carreira, entre já divulgadas e inéditas além de compilações de diversas entrevistas. YUI nunca teve livros no período em que estava ativa, exceto pelos que acompanharam alguns DVDs ou Álbuns, e estes lançamentos com divugalções bem menores e o podem simplesmente indicar algumas possibilidades já especulados pela internet e nada oficialmente confirmado, seja por ela ou pela Sony, como a formação de uma banda intitulada “flower flower” com YUI na sua composição, ou um novo nome artístico também intitulado “flower flower”, ou ao fim do contrato com a Sony e volta ao circuito indie e até mesmo o pior cenário para os fãs que seria o fim definitivo da carreira.

Seja lá qual for a decisão da YUI estaremos aqui e vocês verão aqui no YUI Brasil. Agradecemos e contamos com a participação de todos que apreciam, apreciaram e irão apreciar nosso trabalho. O YUI Brasil é um site que não existiria sem vocês porque é você que nos dá o estímulo em continuar existindo e com a participação, seja no fórum, nos comentários, no twitter, no facebook e no tumblr, e contamos com todos para que continuem a participar e para os que não participam que participem. O YUI Brasil é você quem faz, por isso mesmo eu só tenho a agradecer todos que chegaram até aqui e irão prosseguir conosco e com a YUI

Trackback de seu site.

Asevedo

Fanático por tudo do Oriente.

Comentários (11)

  • Kasumi
    25 de março de 2013 at 6:59 pm |

    LINDO!!!! ahh, como eu amo essa mulher *-*

  • Pedro Elrik
    25 de março de 2013 at 7:09 pm |

    vo ler de pouco em pouco xD, vlw Asevedo

  • Bia-chan
    25 de março de 2013 at 10:14 pm |

    FIQUEI 3 HORAS LENDO GENTE -Q’

    Valeu a Pena,e pessoal.Eu tenho a levar a mesma carreira que a Yui. :) quero ser uma cantora também ^^ eu também toco violão e vários amigos me apoiam e me elogiam.Sinto que vou enfrentar as mudanças da Yui.Aguardaremos anciosamente Yui. ^^ Obrigada a todos do YUIbr e a Yui pela boa música.GANBARE !

  • 25 de março de 2013 at 10:53 pm |

    Que matéria linda, sério, quase chorei em algumas partes, é mt lindo de ser ler sobre a carreira da nossa artista! YUI Forever!!!

  • Diego
    26 de março de 2013 at 12:07 am |

    Nossa ameiii dimais *o*…

    Yuiii, você é dimais 0/

    Alguêm aonde posso baixar músicas ou comprar o CD dela por um preço bacana pois não achei :(

    • Felipe-Senpai
      26 de março de 2013 at 11:14 am |

      Diego. Tomamos a iniciativa de não postar conteúdos oficiais, que podem ser comprados,para download. Além de nos tirar um grande peso, estamos apoiando a cantora.
      Recomendamos sites como o CD Japan, Amazon JP ou o Play-Asia, que são de total confiança.
      Se está em dúvida de qual CD comprar ou de até mesmo COMO COMPRAR UM CD OU DVD DA YUI, acesse nossa página de discografias e o nosso tutorial.
      http://yuibrasil.com/discografia/
      http://yuibrasil.com/como-comprar-itens-da-yui-online/

  • Rodrigo
    26 de março de 2013 at 2:21 am |

    Matéria excelente!!!

    Parabéns para a YUI e para o YUI Brasil!!! \o/

  • Felipe-Senpai
    26 de março de 2013 at 11:17 am |

    feedback positivo totalmente merecido. O post ficou foda bagarai. Valeu Asevedo.

  • hayumi025
    27 de março de 2013 at 11:44 am |

    woooow q post incrível!! *O* ♥ ~sugooi naa!! -YUI- ♥ YuuY
    vlw Asevedo!!

  • 27 de março de 2013 at 5:54 pm |

    Li tudo!
    Essa eh a biografia mais completa da YUI que ja vi! Muito bom Asevedo! (:

  • nikita
    27 de março de 2013 at 6:22 pm |

    palmas pro tio ase uhuuuuuuuuuuuuu amei *—–*

Comentar



Álbum / Single atual

GREEN GARDEN POP / ORANGE GARDEN POP - 05/12/2012

Próximo Lançamento

Ainda sem informação

Imagem do Dia

~Hong Kong~

Comentários

  • blueridgegeorgia.us

    15 de março de 2014 |

    Admiring the time and energy you put into your site and in depth information you offer.
    It’s good to come across a blog every once in a while that isn’t the
    same outdated rehashed information. Excellent read!
    I’ve saved your site and I’m adding your RSS feeds to
    my Google account.

  • alisson

    15 de março de 2014 |

    descobri a YUI este ano e me considero um grande fã dela, YUI vc é a melhor.
    YUI-SAN obrigado por existir!!!

  • Saulo

    12 de março de 2014 |

    Tadinha da YUI.
    Eu também tenho isso e é bem dificil de controlar. Mas quando se domina, nem se lembra mais que tem isso e a YUI-chan sendo forte como sempre foi, vai vencer essa com nosso apoio ^^.

    YUI Ganbatte!!

  • Che.r.ry

    6 de março de 2014 |

    Torcendo por ela